Imagem capa - Exposição O Novo Retrato da Feminilidade por Janine Araujo Fotografia
Feminino

Exposição O Novo Retrato da Feminilidade

Minha primeira exposição :)

Dá friozinho na barriga, dá medo, dá vergonha... mas também depois que "nasce" vem o brilho nos olhos cheio de orgulho.

E a curadora Thabata Martin conseguiu transformar em palavras, a mais perfeita tradução do que eu "escrevo" com as imagens.



Movimento ELAS INSPIRAM – O Novo Retrato da Feminilidade (por Thabata Martin)

Em 2017, os direitos das mulheres tiveram tanta projeção, que o termo feminismo, que implica maturidade para uma discussão mais aprofundada, ganhou o título de palavra do ano. Não tão distante dessa polêmica, mas dessa potência, você se arriscaria a conceituar a feminilidade? As definições encontradas nas discussões de ocasião parecem mais atraentes do que o encontrado no amontoado de palavras do dicionário ou da supérflua descrição da enciclopédia livre. Seria a sensibilidade um caminho para significar o insignificável? 


Seria doce o sabor da feminilidade? Não havendo estereótipos, certezas ou palavras exatas para retratar a feminilidade contemporânea, por que não captar pelo olhar o que a boca ainda divaga ao dizer?


Como diria o pensador francês Jacques Lacan, “não há mulher artigo definido para designar o universal”, mas como a dúvida persiste, o trabalho sensível da fotógrafa Janine Araújo traz à tona algumas pistas da feminilidade do século XXI. Com a graça que lhes é natural, as mulheres que transpõem o medo de ficar frente à câmera, e se colocam à disposição da poesia do momento, reconhecem no retrato vivencial a alma que jamais viram no espelho.






Fortes ou delicadas, algumas das mulheres brilhantes com as quais já tive o prazer de tomar um café, entregaram às lentes de Janine seu algo mais. Confortáveis em sua própria pele, elas anunciam que amor próprio faz parte do pacote básico do DNA feminino - caso você ainda não tenha se dado conta de que esse pequeno tesouro encontra-se dentro de você.


Autênticas, elas abusam do carisma para engajar outras mulheres em seus discursos que visam mudanças de realidade, através de meios pacíficos, do exemplo. Nessa exposição, elas se entregam ao mítico arquétipo feminino, não para restringir horizontes, mas para serem o que quiserem ser, sem o risco do julgamento.


Ativistas, empreendedoras, criativas, mães, esposas, motivadoras de plantão, chame como quiser, mas intitule com respeito porque, além de quebrar paradigmas, elas carregam em si o poder de mudar o mundo, sem perder a dita cuja da feminilidade.




A luta penas começou | Karina Gallon 

Feminista, empreendedora, transgressora, livre. Sem pudores, a designer Karina Gallon peita a sociedade com sua marca-protesto, a Puta Peita, que tem por objetivo dar ferramentas para as mulheres lutarem contra a opressão do machismo. Neste ensaio de feminilidade, Karina posa para a câmera sem flertar com ela, mas não deixa de mandar o seu recado: “Seja quem você quiser”. De olhos fechados, a influenciadora revela a força e a sensibilidade de sua alma e não deixa dúvidas de que seu discurso vai muito além das camisetas, sua voz trabalha por um mundo melhor. Apaixonada pela experiência, Karina revela que o ensaio de feminilidade trouxe à tona sua verdadeira essência. “Essas são as melhores fotos da minha vida”.




De corpo e alma | Maria Rafart 

Já dizia a música imortalizada na voz de Elis Regina que, Maria é um dom, uma força que nos alerta sobre o poder da autenticidade. A "nossa" Maria Rafart é uma curitibana de múltiplos talentos, que atrai uma legião de fãs nas redes sociais graças à sua opinião, presença e personalidade forte. Fã de carteirinha da filha, companheira ímpar do namorado, mãe do Ale e filha exemplar, neste ensaio de feminilidade Maria encanta pela beleza de ser aquilo que se é. Psicóloga, advogada, escritora, Mestre em Psicologia Forense e apresentadora de um morning show. O que esperar mais dessa figura pública? Tudo. Maria só não alcança o que não deseja de coração. Seja pela inteligência brilhante ou pelo corpo de tirar o fôlego, Maria é pura inspiração.




Missão de vida | Tati Girardi

Qual o seu propósito de vida? Certamente, você já dedicou alguns minutinhos da sua vida diante dessa reflexão. Mais do que refletir, a administradora de empresas e especialista em marketing, Tati Girardi, assumiu a responsabilidade pela sua felicidade e virou o jogo. Hoje ela é Life Coach e Terapeuta Holística e graças ao seu trabalho ajuda a mudar a vida de diversas pessoas que se propõe a refletir sobre seu papel no mundo. Mais do que viver no mundo real, ela vive com intensidade o momento presente e, vai além, ela não se enquadra numa moldura social e sente orgulho de sua liberdade de expressão. Nesse ensaio de feminilidade ela dá ênfase para os registros gráficos desenhados em seu corpo, seu templo. É nele que ela eterniza suas verdades, suas paixões. De sorriso aberto ela solta o corpo com a confiança de que sua vida flui na hora certa e no momento ideal.




Pulso firme | Ana Paula 

A serenidade de quem pode respirar fundo com a certeza de que consegue superar todos os obstáculos. Para Ana, uma das fundadoras da assessoria esportiva exclusiva para mulheres The Running Moms, sem dúvida, a maternidade foi um marco na sua vida. Segundo ela, é possível ser doce e sensível sem perder o pulso firme. Mas é na força de seu caráter e na sua superação que ela reconhece sua feminilidade. Entusiasta da corrida, Ana lidera um movimento de mudança, de empoderamento feminino, e por isso topou encarar a câmera e romper a barreira da timidez. “Nesse dia consegui valorizar meu jogo de cintura e minha resistência. Percebi que não sou só mãe. Apesar de reconhecer as marcas de expressão no rosto, me senti à vontade em minha própria pele. Consegui me amar do jeito que eu sou, sem pose. Aqui, o que vale é a serenidade do meu olhar”.




Exemplo de mudança | Luciane Rangel 

Quantos papéis você exerce na sua vida? Esposa, mãe, profissional, amiga? E quando você se permite ser, apenas, mulher? Esse foi o primeiro ensaio de feminilidade da Luciane, uma das fundadoras da assessoria esportiva The Running Moms. Equilibrista da vida moderna, Luciane é uma mulher contemporânea, engajada em uma causa que valoriza a sororidade e sua postura inspira centenas de mulheres a reservar um tempo para cuidar de si. Além de ter eternizado um momento bacana da sua vida, onde ela sente-se confortável e feliz em todos os seus papéis, Luciane afirma que o momento do ensaio foi importante para se reconhecer além do espelho. “Hoje sou capaz de mudar a vida de outras mulheres através da corrida, mas eu também sou um exemplo de mudança de vida. O olhar da fotógrafa me fez sentir feminina, valorizada. Gosto da sinceridade, às vezes, exagerada do meu sorriso, mas, nesse dia, ele ficou excepcionalmente natural”.






A exposição O Novo Retrato da Feminilidade pode ser vista em:


Marbô Bakery (R. Dr. Faivre, 621 - Centro, Curitiba) até 30 de Abril 

Chelsea Burguers & Shakes (R. Mal. Hermes, 113 - Centro Cívico, Curitiba) até 30 de Maio


E vem "ganhando asas" através da mídia, confira algumas publicações:


Top View

Bem Paraná

Alice Varajão

Curitiba em Destaque

Bem Simples Assim

RIC Em Cartaz